Iniciativa, com apoio do Sebrae Minas, pretende formar novas lideranças comunitárias

Em reunião realizada no dia 18 de dezembro pelo Conselho Municipal da Juventude de Brumadinho, o Sebrae Minas, em parceria com a prefeitura do município, por meio da Secretaria de Assistência Social, lançou o programa Cultura da Cooperação. O encontro ocorreu na Estação da Cidadania e teve o intuito de sensibilizar os jovens para que ampliem sua capacidade de trabalhar coletivamente. Além disso, a ideia do projeto é capacitar a comunidade para a criação e reformulação de políticas públicas voltadas para a juventude.

“O lançamento do programa é um convite para que esses jovens tenham um novo olhar para a cidade. Estamos propondo para o Conselho a construção de uma trajetória coletiva. Vamos auxiliá-los nessa caminhada, construindo com o grupo uma jornada empreendedora para Brumadinho,” afirma o analista do Sebrae Minas Renato Lana.

O Conselho Municipal da Juventude de Brumadinho foi criado em 2008 com objetivo de ser um elo entre os jovens do município e os governos federal, estadual e municipal. Mas, desde 2012, o grupo estava inativo. As atividades foram retomadas em agosto com o objetivo levantar os anseios dos jovens brumadinhenses.

Iury Andrade, presidente do Conselho, acredita que iniciativas como essa podem ajudar no desenvolvimento local. “Esse foi o marco de um novo ciclo. Apesar de ainda sofrermos com as consequências do rompimento da barragem, estamos com fé, porque essa reunião mostra para nós que há esperança para a cidade,” afirma.

A discussão dos rumos do programa foi uma oportunidade para que Maria Cecília Jardim refletisse sobre a realidade da juventude. Ela é membro do grupo e já tem projetos. “Muitas pessoas da minha idade estão ociosas, porque ainda não sabem do que gostam ou procuram. Então, espero ajudar com ações que instiguem e façam pensar, mobilizando essas pessoas a saírem da zona de conforto.”