Empreendimento é opção para hospedagem em Brumadinho

Quando Jacqueline Mendonça lendo uma revista se deparou com o termo “belbellita”, palavra do latim que significa “borboleta”, tinha certeza de que esse seria o nome ideal para seu negócio. A empreendedora sempre foi apaixonada pela beleza e liberdade desses insetos, características que vão ao encontro com a proposta da Casa Belbellita, um dos pontos mais charmosos para se hospedar em Brumadinho.

O estabelecimento está localizado no distrito de Piedade do Paraopeba, um lugar em meio à natureza que carrega história e tradição. Na casa, o hóspede pode usufruir do espaço livremente, com total privacidade, e criar seu próprio roteiro de viagem, ou então receber dicas de passeios e atividades com Jacqueline, que está disponível para auxiliar.

Casa Belbellita

“No inverno, lareira. No verão, cachoeira”. Jacqueline gosta de usar essa frase para mostrar que a casa e a localidade conseguem se adaptar a diferentes estações. Descendo alguns metros é possível se refrescar na cachoeira da região para escapar do calor e, além disso, o hóspede também tem a opção de acender a lareira quando a temperatura estiver mais baixa.

 

“Aqui o visitante irá perceber em cada detalhe o carinho e as boas energias. O clima é bem fresco, porque a casa está cercada de muitas árvores. O lugar traz conforto e sossego, ótimo para relaxar, e é decorado e funcional, com belíssimo jardim para ser apreciado,” afirma a empreendedora.

 

As belbellitas ajudam a colorir a paisagem e ainda trazem uma outra conexão especial com o espaço. Assim como as borboletas, a casa passou por um processo de metamorfose. A estrutura no começo era bem diferente e Jacqueline acabou dando seu toque pessoal com o tempo. A história de suas viagens e de sua família podem ser percebidas nos objetos de decoração, móveis e fotografias espalhadas pela casa.

O aconchego e a tranquilidade são pontos fortes que seus hóspedes contam para ela. No Instagram, há várias mensagens que destacam os benefícios de ser acolhido pela Casa Belbellita. Diego e Edson disseram que o lugar é “refúgio para revigorar a alma por meio da natureza”. “A paz não tem palavras” foi outro relato deixado pelo casal Cristiano e Júlia.

Trajetória

Em sua trajetória profissional, Jacqueline Mendonça já foi secretária, empresária e gerente administrativo. Formada em Recursos Humanos desde 2010, ela vinha se aprimorando na área por meio de cursos, conciliando com seu trabalho em Belo Horizonte enquanto morava em Contagem.

A empreendedora não sabia o que lhe aguardava ao receber um convite de um amigo para conhecer um novo lugar. “Conheci Piedade do Paraopeba 25 anos atrás, quando vim passar um fim de semana na casa de um amigo, que hoje é meu vizinho. Foi paixão à primeira vista, porque a região é cercada por um cinturão verde.  Percebi que aqui era meu lugar pela paz que me proporcionava.”

Com a ajuda do amigo, Jacqueline comprou um imóvel na região e passou a frequentar mais o distrito. Logo que se aposentou, há quatro anos e meio, mudou-se definitivamente para Brumadinho.

Cardápio de Experiências Turísticas

Por causa da variedade de passeios e atrativos, a região de Piedade do Paraopeba sempre foi muito procurada, mas o rompimento da barragem da Vale fez com que o empreendimento enfrentasse algumas dificuldades. “As reservas caíram muito. Na plataforma de evidência do meu negócio, o Airbnb, houve muitas perguntas por parte dos meus clientes sobre a situação da água e se a casa tinha sido atingida.”

Como forma de reverter essa situação, o Cardápio de Experiências Turísticas foi criado para reaquecer o turismo e ampliar o leque dos serviços dos empreendimentos locais. O projeto tem apoio do Sebrae Minas.

“Um grupo de empresários se uniu para formar a própria identidade da Encosta da Serra da Moeda. A proposta é apresentar a região e as diversas opções de passeios para o turista, além dos mais conhecidos, como o Inhotim.  Temos belezas naturais, cachoeiras, o mirante Topo do Mundo, a rampa para voo livre, ceramistas, ótimos restaurantes e cervejas artesanais. Em especial, Piedade do Paraopeba, que tem uma rica história para vivenciar, como a Igreja Nossa Senhora da Piedade, que tem mais de 300 anos, e a Igreja do Rosário, construída em meados de 1900,” conta Jacqueline.

Com a orientação dos consultores, ela aprendeu mais sobre o mercado de turismo e a administrar seu empreendimento. Além de melhorar seu conhecimento e técnicas em marketing digital.

A Casa Belbellita faz parte do cardápio de experiências turísticas da Encosta da Serra da Moeda. Jacqueline enxerga um futuro próspero, com muitas oportunidades de crescimento para os negócios da região de Brumadinho.